Principais doenças em coelhos: BACTÉRIAS

Bactérias estão presentes em toda parte, dentro e fora do corpo. Quando os animais passam por algum tipo de estresse, as bactérias podem desencadear um desequilíbrio e causar doenças!

As doenças mais comuns causadas por bactérias são:

Pasteurelose É uma doença respiratória comum nos coelhos causada pela Pasteurella multocida, que vive nos coelhos e não prejudica os saudáveis. No entanto, a doença pode se manifestar quando a resistência corporal diminui, como em fêmeas prenhes, lactantes, animais em situações de estresse ou que passaram por baixas temperaturas. É contagiosa e caracterizada por infeções do trato respiratório superior com rinite e conjuntivite crônicas e microporulentas. As manifestações variam entre descarga nasal acompanhada de espirros, otite, pneumonia, alteração ocular, abscessos subcutâneos, infecção genital resultante de transmissão sexual, em situações mais graves, infecção generalizada e até mesmo a morte. O tratamento ocorre conforme a manifestação da doença, o mais importante é iniciá-lo CEDO para maiores chances de sucesso! No tratamento pode ser utilizado antibiótico e remoção cirúrgica dos abcessos.

Dermatite úmida (“papada verde”) É uma enfermidade comum em coelhos (sendo as fêmeas mais acometidas), mas não contagiosa. Os casos aumentam nos meses mais quentes, pois é quando o coelho tende a ir mais vezes ao bebedouro, ficando úmido o “queixo” por mais tempo, tornando-se povoado principalmente por bactérias Pseudomonas aeruginosa, presente nas fezes dos animais. As Pseudomonas produzem a piocianina, de cor verde. Com o aumento das bactérias, aumenta a coceira e os coelhos podem produzir lesões com infecção secundária. Outros locais do corpo também podem estar sujeitos à doença, caso os animais se deitem sobre superfícies úmidas. Há tratamento com remoção do pelo da área, antisséptico local e em casos mais graves, antibiótico adequado.

⚠️ALERTA⚠️ Manter um lugar limpo e seco para nossos orelhudos contribui para evitar contaminações. Caso seu coelho apresente algum dos sintomas, é importante consultar um veterinário de animais silvestres para o diagnóstico correto

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo